irmã mais velha

vamos dialogar( nota do autor )

* FALA UM A PRA VOCÊS VEREM

Se pelo acaso o título não foi claro o suficiente então isso será. Eu quero deixar em tópicos porque a história está em português e as minhas condições.
1- não sei inglês ainda. AINDA
2-sempre que eu entro tenho que ativar o tradutor então é a vez de vocês
3-vingança
4-Acho que já tá na hora de uma história brasileira eu já vi holandesa, italiana, espanhol etc... então agora é a vez de uma brasileira
5-quando um personagem fala eu não uso "isso eu uso - isso (pareçe fútil mais e sempre bom lembrar
6-Eu posto quando eu quiser então não reclama
7-não tem sexo na mina história (não sou bom com esses temas)
8-aceito opiniões e críticas

NÃO GOSTO PEGA EU
_________________________________________

Capítulo um: infância

Deis que eu me conheço por gente eu sempre fui gordinha.
À a propósito eu sou Layla, tenho 16 anos 1,68 metros de altura 95 kilos, tenhopele clara, cabelos longos e loiros e olhos azuis, e estou fazendo como sempre a longa e cansativa ida a escola.
Bem como eu ia dizendo dês que eu me lembro eu sempre fui gordinha, minha mãe é solteira e trabalha como xerife da nossa cidade, em resumo ela é uma mulher durona, ela também não sabe como espreçar amor direito, foram poucas as vezes que ela me disse um "eu te amo" pra mim e pra minha irmã mais nova, então ela demostra o amor nos alimentando, é o jeito dela de espreçar amor.
Bem lembra que eu disse que tinha uma irmã ? Então ela é um ano mais nova que eu e aconteceu uma vez quando ela tinha 4 anos ela se recusou a terminar de comer o almoço (minha mãe é xerife ou seja ela come muito e isso faiz ela pensar que nos também) ela comeu menos da metade da comida do pranto e por isso apanhou muito, deis de então eu como a comida da minha irmã também.
Mais faço isso mais pra retribuir o amor da milha mãe, além do que, se tem uma palavra que defini minha irmã essa palavra é orgulho. Ela nunca me agradeçeu verbalmente, mais eu sei que ela agradeçe lá no fundo.
Mais não é só isso não! Diferente da minha irmã que adora práticar esportes e lutas eu prefiro ficar em casa jogando vidio games ou lendo, ou seja em questão de gordura eu sou campeã já em força e velocidade não tem como vencer minha irmã.
Bem como eu sou gordinha eu sempre fui vítima de bullying na escola mais eu sempre tive o apoio das minhas amigas que sempre estudaram cômico, a primeira e minha irmã Luna, ela tem a pele meio queimada por causa do sol, cabelos curtos e pretos, olhos castanhos, magra e definida, não é tão forte assim mais ela sabe como usar a força que tem, Mikai, uma garota de 15 anos, com descendência asiática, ela é bem "frágil" digamos assim tanto físicamente que emocionalmente, cabelos curtos e castanhos, olhos verdes, ela é filha de uma família de padeiros e confeiteiros por isso ela sempre nos trás algum doce, e por fim tem a minha melhor amiga Alexandra, que é até estranho quando eu paro pra pensar, a Luna comparada a uma menina normal ela é relativamente forte mais a Le é muito forte! Tipo uma super atleta, mais nem sempre foi assim quando nós conhecemos ela era tímida e calada, uma menina fransina, de pele muito clara, olhinhos verdes, e cabelo ruivo amarrado em xuxinhas. Lembro que quando conversamos pela primeira vez ela mau conseguia completar umais frase inteira, com o passar do tempo eu e ela fomos nós tornando amigas, ela sempre me dava o lanche dela ( mesmo eu recusando as vezes ela sempre insisti ) e sempre que podia me chamava pra almoçar na casa dela, o que as vezes incomodava pois a família dela sempre almoço tarde então quando ela vinha fazer o convite eu já tinha almoçado. Enfim quando eu fiz 10 anos ela teve que se mudar pra longe, porém 3 anos depois ela voltou pra cidade, mais ela voltou completamente diferente, a garota tímida e fransina que sempre tinha o cabelo curto agora era extrovertido, fazendo piada com tudo, sexe ( diga-se de passagem ) forte, não forte do tipo viciada em academia mais forte, cabelos longos e quase sempre bagunçados. Quando eu a reencontrei e fiquei um pouco deprimida com a mudança, mais muita coisa não mudou entre nossa amizade nós quase sempre me chama pra ir em lanchonetes, ela ainda se recusando a comer a própria comida na escola, ela ainda continua me chamá pra almoçar na casa dela, ainda depois do meu almoço.
Acho que as únicas coisas que mudaram foi que ela agora caminha com a minha irmã e agora ela é mais divertida. Ah! E ela também de vez em quando faz uns cursos de culinária na internet então ela as vezes trás pra nós profarmos.
Por falar na Alex a casa dela é logo ali.
_________________________________________< br> Próximo capítulo: a minha feedee
E vai sair quando eu quiser
1660 views, 3 likes, 1 comment
 
1 page 1 of 2   loading
comments
avatar
Gustave 5 months
Como disse se quiserem dar sugestões ou fazer críticas tudo bem